Iniciadas ações para melhoramento genético das carpas do Parque do Japão.

Iniciada nesta quinta, 20, as ações para o melhoramento genético das carpas do lago do Parque do Japão. Equipe do Departamento de Zootecnia da UEM retira 20 carpas com mais uniformidade de cor e pureza de raça a serem destinadas à universidade. Os animais selecionados vão para reprodução e os alevinos serão introduzidos no lago. Desde a chegada das carpas em 2008, o trabalho é inédito com os peixes.

O professor do Departamento de Zootecnia da UEM, Ricardo Pereira, destaca que além de perder as características ornamentais, o cruzamento indiscriminado pode trazer defeitos morfológicos e reduzir a capacidade adaptativa. “Ao longo do tempo o lago poderá ficar sem as espécies originais, peixes sem a beleza natural, além de casos de boca torta e outros defeitos que comprometem a expectativa de vida dos animais”, alerta.

Inicialmente, a pesquisa deve se estender por 12 meses, prolongando-se de acordo com as necessidades científicas do estudo. A retirada das carpas nesse momento se justifica pelo início do período de reprodução da espécie. Para não ocorrer riscos com a reprodução de animais aparentados, será realizado a análise de material genético.

Atualmente, mais de mil carpas, de várias espécies, convivem nos lagos do parque. Além das carpas também são encontradas tilápias e curimbas, os últimos consomem material orgânico em decomposição no lago. Em 2008, o lago do Parque do Japão recebeu 70 carpas coloridas doadas por um banco que havia recebido os peixes da Casa Imperial do Japão.

O gerente do Parque do Japão, Luiz Uema, lembra que a parceria com a UEM é uma ação para preservar o parque e pede a colaboração da comunidade para não oferecer alimento inadequado aos peixes. “Diariamente destinamos mais de 10 quilos de ração específica para esses animais. Infelizmente alguns visitantes alimentam os peixes com rações de cachorro, salgadinhos e outros alimentos com condimentos que trazem prejuízos à saúde do animal”, lembra.

Sobre o Gilmar Ferreira

Gilmar Ferreira é Jornalista, Radialista, Apresentador de Programa de TV e Técnico em Contabilidade. Trabalhou na Radio Eden Fm em Lupionópolis , Rádio Colorado Am, Globo AM de Blumenau, Globo FM Maringá , Metropolitana Fm Maringá, Rede de Rádios Maringá , repórter do Jornal da Manhã na Band, apresentou por 12 anos o primeiro programa de vendas de carro na TV em Maringá o Programa Show Car, nas emissoras :TV Maringá BAND, RIC TV – Record e na RTV Canal 10. Apresentou com Osvaldo Sigles o Programa Gente do Paraná na Rede Mercosul – Record News no Paraná,
Jornalista com o registro profissional número 0011341 /PR

Deixe uma resposta

*